Entre em contato conosco

Single

Violência no Rio de Janeiro é o roteiro do novo clipe da gravadora 1Kilo

Publicado

on

violência rio de janeiro

(Cena do clipe – Crédito: Cadu Andrade)

 

Diante de mais uma injustiça entre as tantas que acontecem no país quando o assunto é segurança, a 1Kilo lançou “Vem Que Tem”. Parceria entre CT e L7nnon, a faixa é como um grito de protesto contra atos de violência no Rio de Janeiro que são negligenciados. A gravadora 1Kilo é conhecida por seus números impressionantes, são mais de um bilhão de visualizações só no YouTube.

violência rio de janeiro

(Crédito: Cadu Andrade)

Produzida por Malive e DJ Grego, “Vem Que Tem” ganhou clipe. Dirigido por Bruno Veronezi e Caio Fontes, o vídeo foi gravado no Complexo do Alemão, Rio de Janeiro.

 

 

ENTENDA O CASO

No último dia 12 de agosto, um adolescente que atuava pelo America morreu na comunidade da Grota do Surucucu, em Niterói, Região Metropolitana do Rio de Janeiro, durante uma operação do Batalhão de Polícia de Choque (BPChq).

A caminho do treino, Dyogo Coutinho, de apenas 16 anos, foi baleado na porta de casa. Diante das controversas alegações sobre o ocorrido, a 1Kilo lançou “Vem Que Tem”, cravando um grito de paz sobre a violência no Rio de Janeiro.

violência rio de janeiro

(Cena do clipe – Crédito: Cadu Andrade)

 

SOBRE A 1KILO

A gravadora carioca 1Kilo é considerada um fenômeno da música moderna por seu número de vendas e acessos. Em apenas dois anos, a gravadora – idealizada por Pablo Martins, Rafael Grego (DJ), Pedro Paulo (DoisP) e Felipe Rasta – já soma números impressionantes. São mais de 5.8 milhões de inscritos no YouTube e um bilhão de visualizações.

Em plataformas de streaming somam mais de dois milhões de ouvintes semanais, nove milhões de fãs, 224 milhões de plays, totalizando 15 milhões de horas em 65 países, na plataforma de áudio mais ouvida mundialmente.  Sem falar nos 1,5 milhões de seguidores nos perfis de Instagram e Facebook.

A gravadora já vendeu mais de 300 shows e registra apresentações em MTV MIAW, Só Toca Top e Encontro com Fátima Bernardes, Planeta Atlântida, além de menções pela revista Billboard como o 3º grupo mais ouvido, em 2018, atrás apenas de Anitta e MC Don Juan.

 

[ENTREVISTA] Banda Revolução se revolta com a política brasileira em “Era uma Vez no Brasil”

[ENTREVISTA] Novo álbum de Tantão e Os Fita expressa viés politizado em suas músicas

“O Brasil é o céu”

[ENTREVISTA] No EP “Revela a Ferida”, Analuh reflete sobre o cenário político-social brasileiro

Gabriel O Pensador intensifica crítica social em clipe com a banda Maneva

MV Bill lança clipe com cenas de choque de realidade, mas também de amor e lealdade

[ENTREVISTA] Cantora Da Cruz faz crítica política e social em disco “preto e urbano”

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Idealizador e editor da Arte Brasileira. Jornalista por formação e amor. Viciadíssimo em música brasileira. Apaixonado pelo Brasil e pelos seus grandes artistas.

Copyright © 2020 | Customizado por Auditore Ideias Estratégicas