Entre em contato conosco

Destaque

Cantora Malu Rocha abraça Tom Jobim em releituras de clássicos do compositor carioca

Matheus Luzi

Publicado

on

 

Tom Jobim e cinema. Tudo a ver! É isso e muito mais que a cantora Malu Rocha quis explorar em seu novo EP, intitulado “Nas Trilhas do Tom”, composto por cinco faixas e produzido pelo premiado guitarrista argentino Victor Biglione.

Com muito brilho, Malu entrega releituras de canções que fazem parte das 250 pérolas de Jobim que serviram de trilha sonora em diversas e variadas obras audiovisuais. Daí a explicação do nome do EP.

 

 

PESQUISANDO JOBIM

O trabalho lançado no mês passado, data que marcou os 25 anos da morte de Tom Jobim, é a sequência de uma profunda pesquisa de Malu por entre a vasta obra e vida do compositor carioca.

Essa pesquisa enquadra os projetos “O Tom da Natureza” e “O Tom da Mulher”, e o bem recebido clipe “Por causa de você”. O produtor do presente EP, é outro que teve o encanto de cair novamente nos braços musicais de Jobim, quando aos apenas 18 anos, conheceu seu repertório e sonoridade.

“O tema é vastíssimo. Fala-se em até 250 filmes com músicas do Tom. Então é preciso fazer uma distinção: trilhas que foram criadas por ele especialmente para determinada obra, filmes criados com as músicas dele como tema, filmes sobre o Tom e sua obra e filmes que utilizaram músicas que já existiam anteriormente.”, explica a cantora Malu Rocha.

Ela continua: “Fiquei entre os dois primeiros e escolhi entre as obras com que eu e o arranjador já tínhamos mais afinidade, que mais representassem a variedade do universo sonoro das composições do Maestro Soberano, provando que vão muito além da Bossa Nova.”

 

SOBRE MALU ROCHA

Em 1981, Malu Rocha iniciou suas primeiras aulas de canto, o que pouco mais tarde, a tornou uma linda e suave voz da MPB. Com adolescência recheada de boas músicas e participações, Malu dividiu palcos com grandes nomes da música brasileira, como Gilberto Gil e Roberto Menescal, e entre outros.

Foi no início dos anos 90, que Malu apresentou sua primeira gravação, e três anos depois, fez apresentações internacionais, em Barcelona e Lisboa. Devido a maternidade e o desenvolvimento de seu próprio método de ensino de canto, ela se fastou por um período, dos palcos.

Malu homenageou em 2000, o repertório de Elis Regina, na qual até mesmo do mutante Sérgio Dias, recebeu elogios. Em euforia e inspirações, no mesmo ano, Malu resgata o cancioneiro de cantoras e compositoras nacionais em álbum, fruto do show “Meninas do Brasil”.

Dois anos mais tarde, já radicada no interior do Rio de Janeiro, o show “O Tom da Natureza” a traz Jobim para mais perto. Com o aval do IBAMA e do filho e irmã de Tom Jobim, vive mais de 50 calorosas apresentações. Em 2004, é a vez de Chico Buarque ser homenageado, no show “As Faces de Chico”. No próximo ano, além de Chico, Caetano Veloso é homenageado o show “Samba e Amor”.

Em “Nas Trilhas do Tom”, Malu Rocha crava uma nova história na sua trajetória artística.

 

TALVEZ VOCÊ GOSTE!

A história por trás das canções de Tom Jobim

 

]

 

 

 

 

Idealizador e editor da Arte Brasileira. Jornalista por formação e amor. Viciadíssimo em música brasileira. Apaixonado pelo Brasil e pelos seus grandes artistas.

Copyright © 2017 Zox News Theme. Theme by MVP Themes, powered by WordPress.