Entre em contato conosco

Álbum

Isabela Morais lança campanha de crowdfunding para lançamento do álbum “Do Absurdo”

Matheus Luzi

Publicado

on

Isabela Morais Do Abusrdo

(Capa do CD)

 

O álbum “Do Absurdo”, da cantora Isabela Morais, está com campanha de financiamento coletivo aberta até o dia 07 de novembro. A iniciativa busca viabilizar o primeiro disco solo da cantora de Três Pontas, conhecida por projetos musicais diversos, como o grupo “Ummagumma The Brazilian Pink Floyd” (há 17 anos na estrada), o espetáculo “De Coisas que Aprendi com Elis”, a antiga banda Marginália, tributo a Vinicius de Moraes, participação em disco e turnê de Milton Nascimento ou ainda como professora de sociologia, produtora cultural, astróloga, taróloga.

Acesse a campanha aqui

“Do Absurdo”, que está no site Benfeitoria, ao mesmo tempo é o resultado de toda essa vivência (inclusive nas recompensas para as doações), mas transborda essas referências, chegando a um trabalho potente, poético e em sintonia com a produção autoral contemporânea no Brasil.

“Do Absurdo” é uma canção de Isabela Morais em parceria com o poeta Carlos Moreira, abarcando a indefinição dos tempos atuais e outras referências como Albert Camus. Há também poemas musicados de autores como Leandro Durazzo, Micheliny Verunschk e Daniela Delias, canções do artista Danilo Gusmão e regravações de compositores contemporâneos como Juliano Guerra, Ian Ramil, Zelito e Maurício Pereira.

“A cena autoral contemporânea é riquíssima, embora seu espaço na grande mídia não faça jus a isso. Faço questão dela no meu trabalho, até porque ela é minha inspiração, além de uma forte influência da cena paulistana”, conta Isabela.

 

SAIBA MAIS

Isabela Morais Do Abusrdo

(Flyer de divulgação da campanha)

O projeto envolve 22 instrumentistas e 9 pessoas envolvidas diretamente na produção musical e executiva do disco, como o guitarrista Ismael Tiso, com gravações em Minas e Rio Grande do Sul. Ou seja, é um disco que precisa da ajuda do público para se viabilizar financeiramente neste primeiro momento no sentido de arcar com despesas de gravação, músicos, prensagem, financiadora, designer, vídeos. Parte das canções e etapas do projeto já estão finalizadas, como arte gráfica.

E o financiamento coletivo funciona como uma via de mão dupla, possibilitando a realização de um sonho, mas com os colaboradores garantindo recompensas especiais. “As recompensas são as mais diversas, desde o CD em si e todo o material que o envolve, como pôster, ecobag, zine de poesias, passando pela minha faceta oraculista com atendimentos de tarô, astrologia e, claro, pocket shows à escolha do benfeitor”, explica. Há ainda a parceria com o Experience Studios de Três Pontas, responsável por grande parte das gravações do disco. É possível comprar pacotes de horas de ensaio ou mesmo diária para gravação de um single através da campanha.

 

Texto da assessoria de imprensa – Edição de Matheus Luzi

 

 

 

 

 

Idealizador e editor da Arte Brasileira. Jornalista por formação e amor. Viciadíssimo em música brasileira. Apaixonado pelo Brasil e pelos seus grandes artistas.

Continuar Lendo
Clique aqui para comentar

Deixar uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Copyright © 2017 Zox News Theme. Theme by MVP Themes, powered by WordPress.